Uma visão técnica: por que a abordagem proxy é ideal para a tradução de websites

Saiba o que os líderes de TI corporativa e desenvolvimento devem buscar em uma solução moderna baseada em proxy e por que outras abordagens deixam a desejar.

Avatar de Craig Witt
Craig Witt

26 de julho de 2018

LEITURA DE 3 MIN.

À medida que sua empresa expande para novos mercados globais, é fundamental apresentar seu website e ativos digitais nos idiomas preferidos desses mercados. Esta boa prática estabelece credibilidade do mercado, cria uma experiência de usuário on-line positiva e comunica sua proposta de valor com eficácia e precisão.

O uso de uma abordagem baseada em proxy para tradução de websites é uma maneira poderosa de lidar com esse desafio em grande escala sem precisar investir recursos significativos - tanto humanos quanto de capital - para criar websites localizados. Outras abordagens, incluindo conectores CMS, podem conseguir realizar o trabalho inicialmente, mas não conseguem acompanhar o crescimento e a evolução de seus sites principais.

Saiba o que os líderes de TI corporativa e desenvolvimento devem buscar em uma solução moderna baseada em proxy, que combine o melhor da tecnologia e da especialização humana para abordar as complexidades dos projetos de tradução de websites atuais.

Como descobrir conteúdo traduzível

Se você criou um website complexo e dinâmico para seus negócios globais, entenda que a maioria das abordagens de tradução exige que você exporte, identifique, traduza, reintegre e ajuste constantemente o conteúdo para adequar-se a instâncias localizadas individuais do seu website.

Essa carga de trabalho é imensa, sujeita a erros e dispendiosa.

Procure abordagens proxy que tenham recursos avançados de análise de conteúdo. Os proxies mais avançados conseguem analisar automaticamente o conteúdo de qualquer servidor ou serviço do mundo - incluindo em seu site ou carregado por serviços de terceiros - detectar o conteúdo traduzível e encaminhá-lo imediatamente para tradução.

Como trabalhar com conteúdo dinâmico

Quando se trata de localização de conteúdo dinâmico, a maioria das abordagens proxy tenta identificar a aparência das novas URLs - geralmente criadas com base em informações específicas do usuário (como localização, perfil de login ou por meio de cookies). Isso indica que existe conteúdo novo sendo criado que deve ser traduzido.

Essa é uma maneira antiga e imprecisa de lidar com conteúdo dinâmico. Proxies realmente modernos resolvem isso configurando rastreadores para identificar as chamadas reais para o servidor utilizado por esses aplicativos, em vez de confiar em novas URLs sendo criadas.

O rastreador pode então seguir essa chamada até o servidor, encontrar o novo conteúdo (mesmo conteúdo gerado dinamicamente, como um conjunto personalizado de recomendações de produtos) e encaminhá-lo automaticamente para tradução por meio do proxy, independentemente de quantas vezes o conteúdo muda.

Conteúdo de aplicativos de página única

Aplicativos de página única são um componente avançado de muitos websites modernos. Eles facilitam a integração e exibição de uma experiência interativa altamente personalizada para os usuários. Também criam enormes desafios para abordagens de tradução de websites tradicionais e simplificadas.

O primeiro passo na tradução de conteúdo é identificar esse conteúdo, e muitas tecnologias, como conectores CMS, não conseguem nem detectar conteúdo de um aplicativo escrito em algo como AngularJS ou React.

É praticamente impossível ter um ser humano para importar e analisar todo o código proveniente desses aplicativos para conteúdo traduzível. Seria necessário buscar em milhares de linhas de código para encontrar, identificar e encaminhar o conteúdo adequado por meio de fluxos de trabalho de tradução típicos.

No entanto, as tecnologias proxy reinventadas de hoje fazem exatamente isso, automaticamente, graças à engenhosidade dos desenvolvedores humanos e à adição de programação inteligente. A maioria das abordagens de tradução não consegue fazer isso.

E muito mais

As experiências dos websites de hoje aproveitam uma grande quantidade de tecnologia integrada para maximizar e otimizar o tempo do usuário no site.

Em vez de biblioteca de produtos estáticas, por exemplo, muitos sites aproveitam tecnologias de gestão de informações de produtos (PIM) que administram grandes volumes de informações de produtos, dados de estoque e especificações. Outros usam plataformas de testes A/B para otimizar o conteúdo ou soluções de e-mail integradas para comunicação com os usuários.

As soluções proxy avançadas podem fornecer APIs para receber conteúdo desses aplicativos e inseri-lo perfeitamente no processo de tradução. Usando a API como caminho, a tecnologia proxy pode:

  • Identificar o conteúdo traduzível hospedado no software integrado
  • Traduzir o conteúdo e a seguir armazená-lo em um banco de dados especial chamado memória de tradução para uso futuro
  • Acessar a memória de tradução e fornecer o conteúdo traduzido automaticamente quando for solicitado no futuro.

E como essa memória de tradução funciona independentemente de outros aplicativos ou do seu CMS, o conteúdo que você traduz para qualquer aplicativo pode então ser usado em outras áreas do site sempre que for necessário ou em outros aplicativos como plataformas de automação de marketing. Isso evita os altos custos associados à tradução duplicada de conteúdo.

Conclusão

Você quer desenvolver a experiência de cliente mais personalizada e pertinente possível para seus usuários globais. Para fazer isso geralmente é necessário utilizar tecnologias e aplicativos de website complexos.

Procure um provedor de tradução que ofereça proxy totalmente integral e que utilize especialização humana e tecnologia em conjunto para lidar até com o mais complexo conteúdo em constante mudança.

Isso tornará seu processo de tradução de websites mais fácil e rápido, e muito mais econômico. E seus recursos de tradução sempre conseguirão acompanhar a velocidades de seus negócios globais.

Avatar de Craig Witt
Craig Witt

26 de julho de 2018

LEITURA DE 3 MIN.