À medida que o envio global e o comércio eletrônico se popularizam, aprenda com este formador de opinião
 
Avatar de Chris HutchinsPor: Chris Hutchins
08 de julho de 2015

À medida que o envio global e o comércio eletrônico se popularizam, aprenda com este formador de opinião

Cada vez mais, as empresas europeias em dificuldade fazem esforços no exterior para engajar clientes com mais renda disponível. Descubra como um varejista on-line ganha clientes no mundo todo

 

A corrida para dominar a indústria de envio transfronteiriço na Europa está ficando acirrada, segundo recente artigo do The Wall Street Journal, e empresas dos EUA, como FedEx, UPS e DHL estão na liderança.

Essas empresas estão investindo pesado na região, gastando dezenas de bilhões de dólares para adquirir empresas de entrega europeias existentes, construir centros maciços de distribuição com controle de temperatura e liderar iniciativas de expansão ambiciosas, incluindo a construção de novas instalações de classificação e operações em aeroportos.

Economia e logística

Atribua parte da onda de gastos à fraqueza do euro: hoje é possível adquirir mais com dólares dos EUA na Europa. Mas, cada vez mais, as empresas europeias em dificuldade fazem esforços no exterior para engajar clientes com mais renda disponível do que os habitantes locais. Aliás, o comércio internacional não é mais apenas uma oportunidade de margem para as empresas da Europa ou de outros continentes. Trata-se de uma prática recomendada líder do setor.

Isso é uma ótima notícia para as empresas de entrega. Estão aproveitando acordos de fronteira/comércio existentes com a UE e alavancando uma recente mudança regional "passando de movimentos de frete para envios menores", afirmou o executivo da UPS Kurt Kuehn ao Journal. E como essas empresas são excelentes em logística, estão modernizando as cadeias de suprimento, consolidando frotas e instalações e jogando um jogo mais inteligente que os concorrentes europeus.

O comércio eletrônico impulsiona os setores de envio

O comércio eletrônico está contribuindo muito para esse grande aumento de transações e envios transfronteiriços. Dados do <a1>Centre for Retail Research</a> sugerem que as vendas de comércio eletrônico na Europa aumentarão mais de 40% nos próximos dois anos, atingindo aproximadamente US$ 290 bilhões em 2016. O comércio eletrônico dos EUA crescerá 30% durante esse período de tempo, atingindo aproximadamente US$ 400 bilhões.

Atualmente, cerca de 25% de todas as compras de comércio eletrônico do mundo são feitas com um varejista estrangeiro, segundo informou recentemente outro artigo do Journal - e esse número está crescendo. A Amazon sozinha atendeu a pedidos de clientes "em 185 países diferentes no ano passado, de vendedores de mais de 100 países diferentes", diz o artigo.

Do nosso ponto de vista, não é uma questão de "se" a maioria das empresas de comércio eletrônico adotarão pedidos e atendimento internacionais, é uma questão de "quando". Ajudamos empresas de comércio eletrônico se tornarem globais há 15 anos; uma estratégia que muda o jogo e aumenta a receita.

As organizações que estão em busca de oportunidades de comércio eletrônico no exterior atualmente devem inspirar-se nos líderes atuais do setor. Recomendamos estudar uma empresa que leve muito a sério o comércio eletrônico e envios internacionais, e esteja fazendo o que é certo e ganhando muito.

Conheça a ASOS, um cliente da MotionPoint.

A perspectiva da MotionPoint

A varejista de moda on-line baseada no Reino Unido, ASOS, é uma potência do comércio eletrônico. Com uma coleção de 80.000 itens de "moda rápida" para jovens na faixa dos 20 anos e a reputação de adaptar-se rapidamente às novas tendências digitais, a ASOS tem ótima posição no espaço do varejo eletrônico. Com ofertas de serviços como ASOS Premier (um serviço similar ao Amazon Prime, que oferece opções de envio rápido e proporciona aos membros acesso a vendas VIP exclusivas), a empresa mantém os clientes sempre retornando.

O que é especialmente poderoso na história da ASOS é sua ambiciosa jogada de comércio eletrônico internacional. Durante os cinco últimos anos, a MotionPoint ajudou a ASOS a crescer em mercados on-line internacionais como França, Alemanha, Espanha, Rússia e EUA.

Oferecendo sites em idiomas locais (e otimizando esses sites de maneiras importantes para aumentar o engajamento e a conversão de clientes), o crescimento internacional da ASOS atingiu novas alturas. Em menos de três anos, as vendas globais da empresa aumentaram de menos de 30% para mais de 60%.

Ofertas de envio irresistíveis e muito mais

Entretanto, lançar websites localizados é apenas um ingrediente-chave do sucesso da ASOS. Sua promessa de envio gratuito para o mundo inteiro representa um enorme incentivo para compradores globais. ("Nenhum custo oculto - todos os preços incluem taxas e impostos", promete o site.) Esta oferta é claramente apresentada em cada página do site, um lembrete consistente e persuasivo para visitantes novos e retornando.

A ASOS também fornece uma tabela útil que indica claramente quando os clientes internacionais podem esperar seus envios. As devoluções também são gratuitas. Essa transparência administra eficazmente as expectativas do cliente e desmistifica o que poderia ser uma transação envolvendo ansiedade.

A empresa adota outras práticas líderes do setor, como conversão de moeda simples, adoção de tipos de pagamentos locais e muito mais.

Aumentando clientes, tráfego e vendas

Esse compromisso com o comércio eletrônico global certamente vale a pena. De acordo com a empresa, seus websites atraíram 98 milhões de visitas durante dezembro de 2014 (um aumento de 87 milhões em relação ao dezembro anterior), com 9,1 milhões de clientes ativos (um aumento de 7,9 milhões).

Mas aí é onde a história fica interessante: apenas 3,7 milhões desses clientes eram baseados no país natal da ASOS, o Reino Unido. O resto, aproximadamente 60%! - vive em mercados internacionais.

E de acordo com um artigo de terça-feira no Internet Retailing, a ASOS teve um bom 2015 até o momento. As vendas totais nos quatro últimos meses (até 30 de junho) foram 20% a mais em comparação com esse período no ano passado. As vendas internacionais experimentaram aumento comparável durante esse período, 16% a mais que no ano passado.

De fato, as empresas que empregam as melhores práticas internacionais de pedidos e atendimento da ASOS, e engajam clientes internacionais em seus idiomas preferidos, estão posicionadas para acelerar seu crescimento global de importantes maneiras, e engajar novos clientes que voltarão sempre.

Sua organização está pronta para se tornar global por meio de esforços de comércio eletrônico? Fale conosco ou saiba mais sobre como a MotionPoint ajudou a ASOS e outras empresas a atingir suas metas de negócios internacionais.

 

Chris Hutchins

Especialista em comunicações de marketing

Chris Hutchins helps produce MotionPoint's marketing and sales materials.

 

Sobre a MotionPoint

A MotionPoint ajuda marcas de nível internacional a crescer por meio da interação e do enriquecimento das vidas dos novos clientes em mercados do mundo todo.

Muito mais que o serviço de tradução de websites mais eficiente do mundo, a plataforma pronta para o uso da MotionPoint combina tecnologia inovadora, big data, traduções de nível mundial e profunda especialização em marketing internacional. A abordagem da MotionPoint assegura a qualidade, a segurança e a escalabilidade necessárias para que você tenha sucesso em um mercado global cada vez mais competitivo, seja on-line ou off-line.

 

A plataforma líder mundial de globalização corporativa

Fale conosco