Descubra por que o comércio móvel sul-coreano está aumentando e prosperando
 
Avatar de Chris HutchinsPor: Chris Hutchins
18 de junho de 2015

Descubra por que o comércio móvel sul-coreano está aumentando e prosperando

A penetração de smartphones da Coreia é de mais de 70%, e as vendas de comércio móvel mais do que dobraram em 2014. Saiba como sua empresa pode engajar compradores coreanos nos dispositivos de sua preferência.

 

Nossa cobertura do próspero mercado sul-coreano continua, agora com foco no incrível crescimento que seu setor de comércio eletrônico experimentou nos últimos anos.

Conforme reportamos antes, a Coreia do Sul é um mercado-alvo ideal para expansão on-line. É um dos países mais ricos do mundo - sua paridade de poder aquisitivo é aproximadamente US$ 1,8 trilhões, classificando-o como 13º do mundo. (Sua economia é a quarta maior da Ásia em termos de PIB). O país é também tecnologicamente avançado, altamente industrializado, e tem um histórico impressionante de crescimento econômico. Conforme relatórios das Relações Exteriores, a economia do país cresceu em média 7% ao ano por 50 anos, retraindo em apenas dois desses anos.

E, logicamente, os sul-coreanos são incrivelmente conectados on-line. Mais de 84% de seus residentes têm acesso à Internet - acesso esse que oferece as mais altas velocidades de conexão à internet do mundo. O país tem também a maior quantidade de locais com Wi-Fi público do mundo. Coreanos de quase todas as faixas etárias são ativos on-line, com taxas de adoção quase universais.

Esses poderosos fatores econômicos, infraestruturais e sociais criam uma receita para o sucesso, particularmente para empresas interessadas em entrar no mercado on-line.

Mostramos como as empresas norte-americanas podem ganhar muito lançando sites de comércio eletrônico na Coreia para aproveitar o fenômeno de compras jikgu. Mas o que dizer do comércio eletrônico móvel coreano? As empresas em expansão também devem investir recursos e marketing nessa área?

A resposta é sim, e vale a pena. A taxa de penetração de smartphones entre os usuários de telefone celular coreanos é superior a 70%, conforme reportagem do The Wall Street Journal do ano passado. (Outras estimativas recentes colocam esse número em até 75%.) É a segunda taxa de adoção de smartphone mais alta do mundo, perdendo apenas para os Emirados Árabes Unidos. E a Coreia do Sul lidera o mundo em penetração de rede celular 4G LTE ultrarrápida, conforme publicado recentemente pela Bloomberg.

Como as redes são rápidas e os planos de dados são baratos, os coreanos passam muito tempo em seus smartphones, especialmente durante as longas viagens de trem para ir e voltar do trabalho.

Veja isto: dados compilados e divulgados esta semana pela eMarketer revelam impressionante crescimento do comércio móvel no mercado. As vendas no comércio móvel mais que dobraram em 2014. De acordo com a história, as vendas do comércio móvel B2C aumentaram "79,2% durante o 1º trimestre de 2014 em dispositivos móveis - mais de quatro vezes a taxa de crescimento das vendas totais no comércio eletrônico B2C durante o mesmo período".

Segundo o artigo, os setores varejistas de viagem e moda tiveram a maior parcela de vendas no comércio eletrônico durante esse período. No 1º trimestre deste ano, 50% de todas as transações de comércio eletrônico nas lojas digitais coreanas foram móveis, um aumento de 45% em relação ao ano passado. Dentre os coreanos, 40% fazem pesquisas de produtos em seus smartphones, e quase o mesmo número faz compras por meio dos dispositivos.

A perspectiva da MotionPoint

Então qual é a maneira mais inteligente de engajar esses consumidores inteligentes conectados a smartphones? Considere esta informação da Borderfree, uma empresa que fornece soluções ponta a ponta de execução e finalização de compra em sites para os mercados internacionais, as organizações precisam engajar os compradores em seus dispositivos preferidos, nos locais que mais frequentam.

Isso significa aproveitar iniciativas de marketing móvel, com trabalho complementar de alcance segmentado por região geográfica.

Veja por quê: pesquisas da Borderfree indicam que a maior parte do comércio digital da Coreia do Sul é realizada perto de Seul. 20% dos coreanos moram na capital do país ou próximo a ela. Lançar anúncios móveis segmentados por região geográfica para essa região é uma maneira especialmente eficaz de conectar com muitos habitantes do país.

E embora outras cidades sul-coreanas tenham populações muito menores em comparação com Seul (Busan, Incheon e Daegu têm populações de 3,4, 2,7 e 2,5 milhões respectivamente), a Borderfree informa que aproximadamente 85% dos sul-coreanos vivem em áreas urbanas. Isso também é bom para o alcance segmentado por região geográfica direto e simplificado.

As organizações também devem oferecer opções de pagamento local sempre que possível. No ano passado, The Paypers, uma provedora de produtos de análise e notícia para profissionais de pagamento global publicou um excelente relatório que pode ser baixado com dados úteis sobre as plataformas de pagamento da Coreia do Sul. Nesse relatório, a empresa destacou vários cartões conhecidos, como Visa, MasterCard e American Express como "os tipos de cartão de crédito mais amplamente aceitos para transações internacionais de comércio eletrônico".

Entretanto, as empresas podem - e devem, quando apropriado - trabalhar com outras marcas de cartão que operam no país, e também aceitar opções de pagamento móvel da Coreia. Essa é uma maneira eficaz de eliminar barreiras entre navegação e compras móveis.

A Digital River, uma provedora de serviços de pagamento especializada no processamento de pagamentos internacionais concorda com essa abordagem.

"Aceitar cartões locais faz sentido tanto da perspectiva do cliente quanto de processamento", a empresa <a1>escreveu recentemente</a>. "Os comerciantes de comércio eletrônico on-line que aceitam as alternativas mais populares - como pagamentos bancários pela Internet, transferências eletrônicas de fundos e pagamentos móveis - podem aumentar significativamente as vendas."

Segundo a empresa, aceitar apenas cartões internacionais pode reduzir as vendas para somente 20% do mercado.

Mas voltemos à Borderfree e seu recente relatório sobre a região. "Os sul-coreanos visitam e estudam frequentemente nos EUA, o que os expõe a marcas dos EUA e destaca a substancial economia de custo obtida ao comprar no exterior", escreveu a empresa. "Entretanto, o idioma ainda é uma barreira significativa à conveniência e conversão - e a tradução do conteúdo é altamente recomendável." (grifo nosso).

Como a empresa n° 1 em localização de websites, a MotionPoint certamente concorda com isso. As empresas que desejam ter sucesso nas vendas para sul-coreanos devem ter sites e iniciativas digitais em coreano para maximizar o tráfego móvel, o engajamento e a receita.

E entender que estar "no idioma" não é suficiente. Otimizar as experiências do usuário para esses compradores e oferecer-lhes conteúdo localizado claro e específico para o mercado realmente pode mover o ponteiro.

Os sites de comércio eletrônico já experimentam picos de vendas de compradores coreanos durante grandes eventos de compra como o Black Friday. Os consumidores coreanos não têm nenhum problema em pagar tarifas adicionais por itens mais caros dos EUA, já que esses itens ainda são mais baratos que produtos comparáveis na Coreia do Sul.

Acreditamos que as empresas podem replicar facilmente esses picos de vendas nos mercados locais (e sua frequência) com vendas localizadas. Todo mundo gosta de pechinchas, mas os consumidores coreanos são realmente loucos por elas. Os dados sugerem que os coreanos são especialmente reativos a vendas on-line.

Segundo a Borderfree, "Ofertas publicadas em comunidades on-line tornam-se virais rapidamente". "A porcentagem de produtos a preços com desconto comprados por coreanos é a mais alta de toda a rede Borderfree."

As empresas que adotam a tradução, e localizações claras (inclusive marketing, disponibilidade de produtos e eventos de vendas) podem experimentar grande sucesso em mercados internacionais altamente engajados como a Coreia do Sul.

Sua organização deseja expandir para o mercado on-line sul-coreano? Entre em contato com a MotionPoint. Nossa equipe dedicada de especialistas em "crescimento global" coreano pode ajudá-lo a elaborar um plano para conectar-se aos coreanos em seus smartphones em seu idioma preferido e usando suas opções de pagamento preferidas.

 

Chris Hutchins

Especialista em comunicações de marketing

Chris Hutchins helps produce MotionPoint's marketing and sales materials.

 

Sobre a MotionPoint

A MotionPoint ajuda marcas de nível internacional a crescer por meio da interação e do enriquecimento das vidas dos novos clientes em mercados do mundo todo.

Muito mais que o serviço de tradução de websites mais eficiente do mundo, a plataforma pronta para o uso da MotionPoint combina tecnologia inovadora, big data, traduções de nível mundial e profunda especialização em marketing internacional. A abordagem da MotionPoint assegura a qualidade, a segurança e a escalabilidade necessárias para que você tenha sucesso em um mercado global cada vez mais competitivo, seja on-line ou off-line.

 

A plataforma líder mundial de globalização corporativa

Fale conosco