Como impulsionar os tempos de carga para websites chineses localizados
 
Avatar de Mohan ShaPor: Mohan Sha
17 de novembro de 2015

Como impulsionar os tempos de carga para websites chineses localizados

Expandir para o mercado on-line chinês requer um entendimento sutil sobre como o conteúdo e os produtos digitais são oferecidos aos clientes continentais. Conheça duas melhores práticas com nosso especialista em mercado.

 

Sua empresa pretende expandir para a China, particularmente por meio de canais on-line como comércio eletrônico? A boa notícia: está cada vez mais fácil para as empresas ocidentais fazer isso. A má notícia: as empresas que esperam hospedar esses sites localizados além das fronteiras do país provavelmente perderão clientes chineses rapidamente.

Por que? Culpe o Ministério da Segurança Pública do país e seu poderoso projeto Golden Shield. Talvez mais conhecido pelos ocidentais como a "Grande Firewall" da China, esse projeto de vigilância na Internet monitora o conteúdo proveniente de fontes on-line internacionais. Bloqueia conteúdo que o governo considera subversivo.

De fato, recentemente a Apple desativou o uso de seu aplicativo iPhone News na China, provavelmente para tranquilizar os oficiais do governo e para impedir que qualquer conteúdo não aprovado seja agregado ao aplicativo.

Essa vigilância diminui a velocidade das solicitações de conteúdo, o que reduz radicalmente o engajamento. Para que o conteúdo internacional alcance um usuário na China continental, precisar viajar de um servidor estrangeiro e, quando chega à "fronteira virtual" da China, passar pela rígida análise de conteúdo da Grande Firewall. Essa análise tem sido especialmente detalhada desde o final de 2014.

O resultado? Tempos de resposta muito altos para os sites. Na maioria dos casos, chega a até 8 segundos. Isso significa perda de receita.

Segundo o Google, um website deve manter um tempo de resposta do servidor de menos de 200ms (0,2s). De acordo com um estudo amplamente citado do the Aberdeen Group, um atraso de um segundo pode custar a uma empresa aproximadamente 10% de suas vendas.

À primeira vista, a solução parece óbvia: as empresas que desejam fazer negócios on-line na China devem hospedar seus sites em servidores chineses. Entretanto, vários fatores no país levaram a maioria das empresas estrangeiras a evitar esse caminho.

Segundo a China Marketing, os provedores locais de serviço de internet (ISPs) fornecem serviço ao cliente abaixo do padrão. A MotionPoint concorda com essa avaliação; constatamos que geralmente os desafios se devem a diferenças de fuso horário e problemas de idioma. Em segundo lugar, o estado da Internet é bastante complicado na China. Como os principais ISPs não estão dispostos a trabalhar em estreita colaboração, a hospedagem com uma rede pode resultar em tempos de carregamento lentos em outras redes. Para evitar confusão, a maioria das empresas ocidentais não hospeda sites na China.

Parece um cenário onde não é possível ganhar. As empresas perdem dinheiro em seus sites localizados (porque são hospedados fora da China) ou perdem controle das velocidades de carregamento e das eficiências de comunicação (se forem hospedados na China).

Mas existe uma solução vencedora, que a MotionPoint fornece a seus clientes. Operamos websites localizados para centenas de empresas, muitas das quais fazem negócios em mercados orientais. Temos experiência inigualável no lançamento de sites para a China continental.

Ao longo dos anos, consultamos o governo chinês e empresas locais de redes de distribuição de conteúdo (CDN), e conduzimos testes rigorosos de tempo de resposta em websites hospedados fora da China.

Com base em nossos dados exclusivos, os websites que são hospedados fora da China, sem otimizações da MotionPoint, observaram um tempo de resposta médio do servidor de 8,1 segundos. Isso é terrível. Os usuários não aceitarão isso. Entretanto, com a solução recomendada pela MotionPoint, o tempo de resposta é reduzido em aproximadamente 90%, para 0,8 segundos.

Como? Dois fatores-chave contribuem para nossa abordagem exclusiva:

Licença ICP

Os websites chineses que operam na China precisam de uma licença de provedor de conteúdo da internet (ICP), emitida pelo Ministério da Indústria e Tecnologia da Informação. São chamados bei'an em chinês. (É interessante observar que geralmente é possível ver quais websites têm uma licença ICP; procure o número da licença na parte inferior da página inicial do site).

As licenças ICP não são emitidas para sites hospedados fora das fronteiras da China, a menos que uma empresa CDN seja usada. Embora o objetivo específico das restrições do governo chinês seja impedir a disseminação de conteúdo político subversivo, ter uma licença ICP também diz à Great Firewall que o conteúdo já foi aprovado pelo governo.

Isso é extremamente útil para os operadores do website: o conteúdo deles ganha a confiança da Great Firewall muito mais rapidamente.

Nossa análise revela que os sites com uma licença ICP têm um tempo médio de resposta aproximadamente 75% melhor do que aqueles que não têm.

Provedores de CDN

CDNs são redes de servidores distribuídos que fornecem eficientemente o conteúdo da web para os usuários com base na localização geográfica dos usuários e na localização do servidor de distribuição de conteúdo e da página da web. Em outras palavras, as CDNs salvam cópias de um website em uma localização mais próxima dos usuários-alvo, aumentando a velocidade do site.

Com seu longo e bem-sucedido histórico de localização na China, a MotionPoint identificou dois erros comuns que as empresas geralmente cometem:

As empresas contratam empresas CDN com nós localizados em Hong Kong. Embora Hong Kong esteja geograficamente perto da China, ainda é considera fora da Great Firewall. O conteúdo hospedado aí permanece rigorosamente monitorado, especialmente com as recentes perturbações políticas. Os tempos de resposta continuam muito lentos.

As empresas usam as mesmas empresas CDN que utilizam para outros mercados internacionais para hospedar seus sites chineses. De acordo com as leis chinesas, empresas CDN estrangeiras não podem estabelecer infraestruturas na China. Podem apenas colaborarcom empresas CDN locais e fornecer suporte técnico. Os resultados dos nossos testes revelaram que os websites que utilizam soluções de CDN chinesas ou baseadas na Ásia responderam 77% mais rápido que os websites que usam algumas empresas CDN não baseadas na Ásia.

Lição: muitas empresas CDN populares simplesmente não melhoram a velocidade do site por nenhum meio eficaz na China. As empresas devem escolher cuidadosamente seu parceiro CDN como parte da estratégia maior de entrada no mercado. A MotionPoint tem algumas melhores práticas, dados e recomendações para escolher uma solução CDN. Fale conosco para obter mais informações.

Se você for de uma empresa multinacional que atualmente enfrenta desafios para melhorar o desempenho de seu site chinês, considere os fatores descritos acima.

De fato, depois de adquirir uma licença ICP e colaborar com uma empresa CDN eficiente, o tempo de resposta do site chinês diminui dramaticamente, o que pode ter impacto significativo nas vendas e nos resultados de uma empresa.

 

Mohan Sha

Estrategista global on-line

Mohan Sha é uma experiente analista de marketing digital que supervisionou campanhas de marketing, SEO e localização para 350 clientes em 26 idiomas e 40 países. Sua expertise estende-se a vários setores, com foco principal em comércio eletrônico, B2C e B2B. A experiência de Mohan fazendo negócios na China lhe proporciona uma perspectiva global exclusiva e uma percepção especial de assuntos relacionados com a China.

 

Sobre a MotionPoint

A MotionPoint ajuda marcas de nível internacional a crescer por meio da interação e do enriquecimento das vidas dos novos clientes em mercados do mundo todo.

Muito mais que o serviço de tradução de websites mais eficiente do mundo, a plataforma pronta para o uso da MotionPoint combina tecnologia inovadora, big data, traduções de nível mundial e profunda especialização em marketing internacional. A abordagem da MotionPoint assegura a qualidade, a segurança e a escalabilidade necessárias para que você tenha sucesso em um mercado global cada vez mais competitivo, seja on-line ou off-line.

 

A plataforma líder mundial de globalização corporativa

Fale conosco