Vice-presidente sênior da MotionPoint comenta os desafios do comércio eletrônico na Multichannel Merchant

Lançar sites de comércio eletrônico em mercados internacionais é uma grande oportunidade de crescimento. Mas as empresas devem estar cientes dos desafios, escreveu um executivo da MotionPoint.

Avatar da MotionPoint
MotionPoint

25 de setembro de 2015

LEITURA DE 1 MIN.

Para os varejistas, aproveitar o comércio eletrônico na expansão para mercados internacionais é uma grande oportunidade de crescimento. Porém, as empresas devem estar cientes das inúmeras armadilhas antes do "alcance global", escreve Charles Whiteman em uma publicação recente do Multichannel Merchant.

Whiteman, que é vice-presidente sênior de serviços ao cliente da MotionPoint, compartilhou quatro desafios principais (e sugestões para eliminá-los) para que as empresas se concentrem no que elas fazem de melhor: interagir com os clientes e vender a eles produtos de nível mundial.

As apostas são altas: o comércio eletrônico global de B2C está pronto para alcançar os US$ 2,3 trilhões em 2018, mas quase 60% dos consumidores globais passam mais tempo em sites disponíveis no idioma deles (em comparação com os sites em inglês) ou boicotam todos os sites em inglês. Os sites localizados são essenciais.

Confira o Multichannel Merchant e aprenda a navegar com sucesso por esse espaço delicado para gerar mais receita internacional.

Avatar da MotionPoint
MotionPoint

25 de setembro de 2015

LEITURA DE 1 MIN.